Salgueiro de Corpo Fechado

 

Enredo explora a relação humana com a busca pela proteção espiritual

O G.R.E.S. Acadêmicos do Salgueiro já definiu seu enredo para o Carnaval de 2025. Intitulado “Salgueiro de Corpo Fechado”, a Vermelho e Branco tijucana promete uma apresentação marcante na Marquês de Sapucaí no próximo ano. O anúncio foi feito na noite de sexta-feira (19) através das redes sociais da agremiação.

Idealizado pelo carnavalesco Jorge Silveira e pelo enredista, jornalista Igor Ricardo, o enredo do Salgueiro explorará a relação humana com a busca pela proteção espiritual.

“Esse enredo reflete a alma e a ancestralidade que o Salgueiro tanto valoriza. É um apelo espiritual para que o Salgueiro entre na Avenida protegido e determinado a conquistar o título”, destaca Jorge.

“A expressão ‘corpo fechado’ está enraizada em diversas correntes religiosas. Vamos apresentar uma abordagem carnavalesca desses ritos e rituais”, acrescenta Igor.

O anúncio foi marcado por um vídeo emocionante estrelado por uma das matriarcas da escola, a presidente da Ala das Baianas do Salgueiro, Tia Glorinha, e pelo premiado mestre-sala Sidclei Santos. Ambos representaram o salgueirense que busca na fé a proteção espiritual e a força para superar os desafios do dia a dia.

“De corpo fechado”: preparo o tacho de óleo de oliva, arruda, guiné, alecrim, carqueja, alho e cravo. Com o sinal da cruz na fronte, no peito, nas mãos e nos pés, levo para a Avenida a história e a cultura do fechamento do corpo. Na maior encruzilhada do mundo, a Marquês de Sapucaí, vamos exaltar simbologias sagradas e únicas. Sem medo de MACUMBA, sem medo de QUIUMBA. Salvem os VELHOS MANDINGUEIROS, os VELHOS FEITICEIROS! O inimigo cai, mas eu fico em pé!”

 

 


  • Compartilhe: